Pense nisso...

Pense nisso...

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Nunca Desista......


Nunca desista,
 porque quando conquistamos algo que desejamos, 
sentimos uma emoção inexplicável. 

 #NeuroSaber 

 Boa Noite 

 Victinho


Tenho Paz!!


"Não são as coisas que possuímos ou compramos que representam riqueza, 
plenitude e felicidade. 
São os momentos especiais que não tem preço,
 as pessoas que estão próximas da gente e que nos amam,
 a saúde, os amigos que escolhemos, a nossa paz de espírito!!!"

 Martha Medeiros 


  Tenho o amor comigo..

Victinho 





quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Sintomas do Autismo





Bom Dia 

Victinho

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Respeitar as diferenças


Se não respeitares as diferenças, jamais descobrirás as semelhanças.
 Verônica Clow 

 Boa Noite 

 Victinho


domingo, 12 de fevereiro de 2017



Bom Dia

Victinho



domingo, 29 de janeiro de 2017

Compreender.....

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Conscientização sobre o autismo agora é lei em Curitiba




A comunidade envolvida na defesa dos direitos de pessoas com deficiência, familiares de autistas e entidades comemoraram a sanção da Lei 14.809, que institui a Semana Municipal da Conscientização Sobre o Transtorno do Espectro Autista, assinada pelo prefeito Gustavo Fruet. A lei visa promover, por meio de eventos, palestras e seminários, a conscientização e reflexão sobre o preconceito enfrentado por portadores do Transtorno do Espectro Autista (TEA) e suas famílias. 
“Fico muito feliz com essa lei de autoria do vereador Pier. 
Agradeço e parabenizo a mobilização de todos os envolvidos que se unem em torno de causas e projetos como esse.
 É um tema sensível e que merece o reconhecimento e todo apoio da Prefeitura”, disse Fruet.
 “A lei chega para ampliar e ajudar nossas políticas públicas.
 Curitiba sai na frente e a Semana servirá de alerta para uma conscientização plena das características do autismo”, disse a secretária municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SEDPCD0), Mirela Prosdocimo. Autor da lei, o vereador Pier Petruzziello destacou a importância da iniciativa.
 “Hoje é um dia de muita alegria para a comunidade autista. 
O autismo não tem cura, mas a pessoa pode ter uma vida quase normal.
 Muitos pais têm crianças com autismo em casa e nem sabem,
 então é importante promover essa conscientização”, disse o vereador. 
Para a psicóloga e coordenadora de atendimento e serviços da SEDPCD, Denise Amaral de Oliveira Moraes, ter uma semana dedicada para promover a conscientização é primordial. 
“Muitas mães são vítimas de preconceito quando os filhos se manifestam com determinados comportamentos típicos do quadro no dia a dia, como quando a criança com TEA insiste na escolha de determinado lugar para sentar no ônibus, por exemplo. 
Há comportamentos que dependem de uma rotina muito específica e que precisam de espaço para conscientização”, destacou.



Quando o Autismo é mal lembrado



Quando o Autismo é mal lembrado 
O Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência foi instituído em 2005
 para coincidir com o quase esquecido Dia da Árvore em 21 de setembro,
 representando o renascer das plantas, 
que simbolizam o sentimento de renovação
 das reivindicações em prol da cidadania,
 inclusão e participação plena na sociedade.
 O mundo vai demorar a esquecer dos esforços dos paratletas autistas ou não,
 competindo na Paralimpíada, unidos em mente, corpo e espírito de luta. 
 O autista não constitui uma classe diferenciada de pessoas.
 Moram no Brasil, não tem outra mãe, não é outro filho e também é um cidadão.
 Não nos cabe fazer juízo de valor para o que aconteceu, 
e menos ainda querer coloca-los na vitrine da compaixão, 
mas sim prosseguir na luta para que não sofram mais do que o inevitável. 
 A delicadeza da ministra Cármen Lúcia se desculpando foi um alento,
 porém não aliviou as dores dos pais pelo impacto da afirmação, 
esperançosos de que a autoridade máxima da nossa Justiça
e pessoa pública, um dia exemplifique para a nação 
o que é preconceito e discriminação à luz da lei.
 Nilton Salvador

 Pai de Autista

 Boa Noite

 Victinho


Na alma ninguem manda




Não sabiam o que fazer comigo 
Agora não sabem o que fazer sem mim 

 Boa Noite 

 João Victor


terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Bom Dia



Minha relação com o autismo foi mudando, ao longo do tempo.
 Descobri, aos poucos, uma forma de viver
 em que pelo autismo nada se sente (apenas se enfrenta), 
enquanto, por outro, reconhece-se que é impossível não amar o autista. 

Hanna Baptista - mãe de autista

 Bom  Dia

 João Victor
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...